Ads Top

Sem uso de shampoo - Conheça as técnicas do No e Low Poo e seus benefícios


A busca por uma alternativa aos produtos industrializados tem sido cada vez mais constante entre as mulheres que querem cuidar do cabelo de uma maneira mais natural. E isso deu origem aos movimentos No e Low Poo, duas correntes que diminuem ou eliminam o uso de shampoo comum nos cabelos porque, segundo as adeptas, os produtos apenas mascaram a saúde dos fios e prejudicam sua leveza e formato naturais, destruindo a forma dos cachos, por exemplo.

O que é Low Poo e No Poo?

O movimento Low Poo defende o uso de produtos com agentes de limpeza mais leves do que os comuns, com o objetivo de remover apenas a impureza dos fios e não a oleosidade e outros componentes naturais. Nessa técnica deixam de ser utilizados todos os que contêm, por exemplo, sulfatos e derivados do petróleo, como vaselina e parafina.
Já no No Poo, mesmo os shampoos mais leves são abolidos, assim como qualquer produto que contenha silicone insolúvel em água (que só podem ser lavados pelo shampoo), como máscaras e cremes leave-in. Em substituição são utilizados produtos que não contém substâncias químicas fortes ou receitas naturais.

Experiências



A estudante de Rádio e TV Paula Bernardo aderiu ao Low Poo há cerca de três meses, motivada pela vontade de voltar a ter os cachos naturais. “Desde os 11 anos vivia de relaxamentos e progressivas, nem sabia mais como era meu cabelo real”. Paula conta que na primeira semana, o cabelo ficou bastante ressecado, mas que a melhora começou a aparecer gradualmente. “Os shampoos tiram as propriedades naturais do cabelo. Quando parei de usar condicionadores que têm todas aquelas plásticas, comecei a ver a situação de verdade do meu cabelo”, explica.
Para os fios se adaptarem melhor à mudança, Paula conta que investiu em um cronograma capilar, que tem dias certos para usar produtos de reconstrução e hidratação. “Em duas semanas os cachos voltaram a aparecer”.

Já a maquiadora e cantora Lilian Ximenes aderiu à técnica porque já tinha em casa muitos produtos liberados para o movimento, livres de substâncias mais pesadas. “Fiquei surpresa em perceber que lavar o cabelo com condicionador sem silicones insolúveis não o deixaria mais oleoso e notei uma melhora logo no início: a raiz fica sem oleosidade por três dias”, conta.
Ambas fazem parte de um grupo para iniciantes no Facebook que conta com mais de 80 mil participantes, a maioria com cabelos cacheados. Lá, homens e mulheres compartilham experiências e ajudam novos adeptos a seguir os ensinamentos da técnica.

Deixar de usar shampoo faz mal?

Segundo a dermatologista Dra. Valéria Campos, da Sociedade Brasileira de Dermatologia, ainda não existem alternativas ao uso do shampoo que sejam realmente eficazes. “Por conta da poluição do ar e do clima tropical típico do nosso pais, é importante limpar bem o couro cabeludo, eliminar os poluentes e a oleosidade que pode, até mesmo, contribuir para o aparecimento de fungos”, alerta.
Para a médica, a restrição ao uso do shampoo vale para quem tem alergia a algum componente. “Ainda assim, é o caso de mandar fabricar uma fórmula especial, e não de parar de usar”, explica. Quanto à presença de lauril sulfato de sódio nos produtos para cabelo (que é proibido no Low e No Poo) a dermatologia explica: “essa substância foi polêmica durante muito tempo e, de fato, não deve ser colocada diretamente em contato com a pele. No entanto, quando a utilizamos apenas no shampoo, não existem riscos à saúde, mesmo porque o tempo de contato é mínimo”, afirma.

Lavar o cabelo só com condicionador pode?

Uma das técnicas do Low Poo é chamada de co-wash e trata-se da lavagemm do cabelo apenas com condicionadores específicos, que não contenham as substâncias citadas anteriormente. Para a Dra. Valéria, a prática não é recomendada. “Esses produtos apenas condicionam o cabelo, não o limpam de fato. Em cabelos muito ressecados, podem parecer benéficoa a principio por conta do aumento da oleosidade dos fios. No entanto, ao longo do tempo o cabelo vai ficar excessivamente oleoso”, explica.

Médica rebate adeptas do No e Low Poo  

Apesar de muitas mulheres estarem aderindo à nova onda e garantindo que os resultados são visíveis, a médica rebate as afirmações dizendo que talvez o uso do shampoo aparente fazer mal graças ao uso inadequado. “Usar o shampoo errado, de fato, prejudica o cabelo. Cada tipo de fio precisa de um tratamento, especialmente no quesito pH – quanto mais alcalino, mais ressecado o cabelo fica”, explica, ressaltando também que existem boas opções e fórmulas preparadas para limpar e tratar efetivamente os fios.


Se você gostou das minhas dicas, continue acompanhando o blog da Mayumi Ohasi e curta minha página no facebook !
Tecnologia do Blogger.