Ads Top

Como manter a cor dos cabelos: 5 dicas simples que fazem a tintura durar muito mais

Mudar de visual pode ser bem simples, com uma visita ao cabeleireiro é possível transformar os fios, mas a preocupação costuma vir depois de tingi-los. Para quem passa por esse procedimento, uma das maiores dúvidas é como fazer a cor do cabelo durar mais? Para esclarecer essa e outras questões conversamos com o Cristiano Torres, cabeleireiro do Studio W, da unidade Higienópolis, em São Paulo.

Antes de realizar o processo de coloração, ele recomenda que o profissional faça um diagnóstico do cabelo da cliente, para entender qual é o seu objetivo e se os fios o alcançarão. “Além da escolha de um produto top de linha, o diagnóstico e o objetivo são de grande importância”, define.
O especialista relata que um detalhe específico pode influenciar diretamente na fixação da tintura nos fios: “Tem cliente que chega no salão com o cabelo com muita oleosidade e isso pode atrapalhar na fixação da cor. Ou então vêm com o cabelo com excesso de produtos, que apresenta um aspecto de impureza e que pode vir a implicar na fixação. O cabelo tem que estar bem natural, mas não pode apresentar impurezas visíveis”, ressalta.

Cuidados para manter a cor por mais tempo

Parceria com o cabeleireiro

Para manter um boa cor, Cristiano afirma que a parceria com o cabeleireiro é muito importante. Ou seja, trocar informações com o profissional e assim receber recomendações dos produtos adequados para ajudar a manter a fixação e combater impurezas do ar, como a poluição, é considerado fundamental.
As indicações dadas pelos cabeleireiros são ainda mais relevantes quando o assunto é a hidratação dos fios: “É muito importante dar essa aula para a cliente: como aplicar, como massagear os fios, quanto tempo usar o produto. Você tem de hidratar da forma correta, para não desperdiçar produto. Às vezes a gente vê que as clientes têm produtos legais em casa, mas os profissionais não explicaram como tem de cuidar”.

Tratamento adequado

Algo que parece óbvio, mas nem sempre seguido à risca, escolher o tratamento adequado para determinados tipos de fios é imprescindível para manter a cor bonita. “Para quem tinge o cabelo o cuidado é um, já para quem tem luzes, o cuidado para evitar a alteração do tom é mais elevado”.
Além disso, a atenção com o excesso de tonalizantes também pode ser decisiva para uma cor duradoura. “De repente o cabeleireiro quer chegar no platinado e faltou dois tons, ele usa tonalizante, não permitindo fazer o clareamento por si só. Um loiro bonito é quando se consegue chegar ao objetivo sem o uso de muita química, apenas com o próprio clareamento, na própria descoloração”, opina.

Atenção redobrada com piscina, sol e sal



Os fios precisam de cuidados com o sol, piscina e água do mar tanto quanto a pele
Segundo o especialista, os cabelos precisam de cuidados com o sol, piscina e água do mar tanto quanto a pele. “Quando for pegar piscina e sol, deve-se ter com os fios o mesmo cuidado tido com a pele, para não ressecá-los, nem queimá-los. Para os fios não sofrerem alterações também, é preciso investir em um produto adequado para protegê-los”, pontua. Para os muito loiros, Cristiano sugere um pouco mais de cautela, com o uso de um chapéu, por exemplo.
A atenção com a quantidade de cloro na água também é fundamental: “A água com muito cloro pode alterar a cor dos fios. Se você sentir um cheiro ou ardência do cloro, se os fios forem muito loiros, principalmente, vai sentir um ressecamento muito forte. Assim, é preciso investir na hidratação logo após sair da água”.

Hidratação é fundamental

A hidratação dos fios coloridos é extremamente importante, segundo Cristiano. “Quando você tem o cabelo natural tem de haver um cuidado. Mas quando se coloca tintura, o cuidado aumenta. Tintura, reflexo, luzes, em todos esses casos o cuidado tem de ser em dobro”, reforça.
O profissional ainda recomenda que, se possível, frequente o salão a cada 15 ou 20 dias para fazer um tratamento de hidratação, diferente daquele que é feito em casa. “Cuida no salão e mantém a hidratação em casa. Para um cabelo ressecado, os cuidados caseiros devem ser feitos duas vezes por semana. Os que não têm tanta química, uma vez”.

Leave-in como aliado 



O leave-in é um produto de ouro, segundo o profissional
Para manter os fios saudáveis e sempre hidratados, Cristiano tem como o leave-in um produto de ouro: “Sempre tenha um leave-in à base de silicone ou um óleo de argan na bolsa. Eles têm uma durabilidade de três a quatro horas. Passando uma gotinha nas pontas você não deixa o cabelo sentir falta de algo que ele precisa”, finaliza. 

Tecnologia do Blogger.